24 maio, 2009

saudade...



Há gente que viaja na sua saudade
só com um bilhete de ida,
e não conseguem voltar,
do passado das lembranças e
Soltar-se para a vida.
A saudade é uma terra distante
num país percorrido
ao qual não podemos voltar
Mas insistimos em Viajar por
esses caminhos quase
sempre sombrios
que não podemos
Voltar a percorrer ou alterar.
Sentimos a vida a prosseguir e
ficamos nos parados na terra
Do tempo com um
Amargo na boca
um estranho sentimento de perda.

Um dia percebemos
que temos de renovar a bagagem
E partir para um novo país
com novas viagens,
novos territórios à procura
de novos sentimentos
de um novo amor
Procurar a felicidade
Para adormecer
as sombras do passado…


Poesia escrita já algum tempo e que aguarda a oportunidade de publicação em livro...
talvez quando a minha vida acalmar e voltar a ter tempo para escrever, ler, passear,
agora são papéis, fichas e responsabilidaes...que me fazem esquecer até o que é um simples fim de semana sem compromissos....tenho saudades de ter tempo...


um abraço tulipa

13 comentários:

Parapeito disse...

...a vida é aasim....as vezes acabamos por ter saudades de ter tempo...
Mas é tudo afinal uma questão de tempo...
Que depressa voltes a ter tempo...ou devo dizer... que devagar voltes a ter tempo?

Um abraço***

Dois Rios disse...

Tudo que nos falta no momento desejado transforma-se emsaudade. Até o tempo.

Beijo,
Inês

g disse...

As sombras do passado estarão sempre presentes, quer queiramos, quer não.

O tempo esse voa mesmo.

Bjs nossos

clic disse...

Um dia alguém me disse "se sentir saudades, escrevo um fado e, ao cantá-lo, nasce-me um sorriso"... :)

Nuno G. disse...

como é tão inspiradora a saudade... belo poema. escrevi também sobre o tema que nos toca tanto...

(www.minha-gaveta.blogspot.com)

Star disse...

É tão difícil deixar de viajar pelas saudades...
beijinhos

Beijos de Rosas disse...

Gostei do teu texto...estou âncorada na saudade...que viagem tão sofredora...mas, o tempo vai ajudar-me a regressar á magia do carrocel.

Parabéns!!

NAFTAMOR disse...

Num banco vazio perdido no nada e esperando esquecer as sombras do passado (poucas), vou olhando o Jardim ........

Um Beijo

Fernanda disse...

O tempo só nos trás saudades daquilo que nos fez ter tempo...
É por isso que muitas vezes desejamos ter de novo,... aquilo que nos deu tempo para fazer tudo e ser feliz sem darmos por isso.

Mas ainda bem que é assim,...temos sempre esse de desejo de voltar a ter tempo,...mais não seja para procurar outras saudades...

:))

Um abraço

Secreta disse...

A saudade pode estar em tudo...e ser sentida de várias formas.
Beijito.

Pedrasnuas disse...

HÁ GENTE QUE FICA ENCALHADA NA SAUDADE DE UM SONHO QUE É SÓ SEU!!! ACHO PERTINENTE ESTE TEXTO POÉTICO...MUITO BOM MESMO!!!

BEIJOS

Carla disse...

há tantas formas de sentir a saudade!
beijos e adorei

A.S. disse...

Tulipa,

O tempo não passa. Nós é que passamos pelo tempo...
Por isso mesmo, tenta passar mais devagar para publicares os teus lindos poemas!

Beijos... e um bom fim de semana!