17 agosto, 2008

O Silêncio




Um silêncio longe da rotina

A montanha e o rio por companhia

A noite fria que nos fazia correr



Um quarto de Hotel

Num mundo só meu

Só teu...

Num mundo construído

Em cada toque

Em cada abraço

Em sorriso rasgado

Em cada palavra...



No silêncio da noite

um beijo

um toque...

Duas mãos entrelaçadas

dois corpos que se unem...



tulipa

10 agosto, 2008

sempre como n` areia


Uma história simples contada no feminino...que tal como areia...se agarra entre as mãos...e por vezes escapa entre os dedos...envolta em paixões, verdades...mentiras....amores para sempre e para nunca....
Um livro simples...para férias, mas que faz pensar...porque se magoa quem se ama?

Tulipa